Destaques da Semana (07/01 – 13/01)

Neste clipping, reunimos as principais notícias nacionais da semana: Terroristas bolsonaristas invadem e depredam Congresso, Planalto e STF; Moraes decide afastar o governador Ibaneis Rocha, do Distrito Federal, por 90 dias; Alexandre de Moraes determina prisão de Anderson Torres; STF mantém afastamento de Ibaneis Rocha do governo do DF por 90 dias; Gastos elevados de Bolsonaro coincidem com motociatas; e mais.

Domingo, 8 de janeiro de 2023

Terroristas bolsonaristas invadem e depredam Congresso, Planalto e STF/UOL (08.01)

“Milhares de extremistas bolsonaristas invadiram e depredaram o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e a sede do STF na tarde deste domingo (8).”

Ministros do STF responsabilizam Múcio por atuação ‘fraca’ para conter atos antidemocráticos/O Globo (08.01)

“Diante da invasão de palácios dos Três Poderes neste domingo, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) criticaram a postura do novo ministro da Defesa, José Múcio, que classificam como “fraca”. Na avaliação de magistrados ouvidos reservadamente pelo GLOBO, Múcio não agiu para desmobilizar acampamentos nas frentes de instalações militares que pregam um golpe no país.”

Lula decreta intervenção federal em Brasília depois de falha de segurança/Poder360 (08.01)

“O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) anunciou neste domingo (8.jan.2022) intervenção federal na segurança pública de Brasília depois de manifestantes contrários ao resultado da eleição de 2022 invadirem e depredarem os prédios do Palácio do Planalto, o Supremo Tribunal Federal e do Congresso.”

AGU pede a prisão do ex-secretário Anderson Torres/CNN (08.01)

“A Advocacia-Geral da União (AGU) pediu no início da tarde deste domingo (8) a prisão do ex-secretário de Segurança Pública do DF, Anderson Torres.”

Segunda-Feira, 9 de janeiro de 2023

Moraes decide afastar o governador Ibaneis Rocha, do Distrito Federal, por 90 dias/G1 (09.01)

“O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu na madrugada desta segunda-feira (9) afastar o governador do Distrito Federal Ibaneis Rocha do cargo por 90 dias.”

Senado reúne as assinaturas necessárias para abrir CPI sobre terrorismo em Brasília/Carta Capital (09.01)

“O líder do governo no Congresso, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), informou que já foram colhidas as assinaturas necessárias para a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito sobre as ações golpistas em Brasília, no domingo 9. Pelo Twitter, o parlamentar afirmou que o pedido já tem 31 signatários.”

Com plenário destruído, Rosa Weber mantém votações 100% virtuais no STF/CNN (09.01)

“A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Rosa Weber, determinou a convocação de uma sessão virtual extraordinária, que ficará aberta de forma permanente durante o recesso, de 18h do dia 9 de janeiro até 23h59 do dia 31 de janeiro.”

Após ver governadores, Lula vai a pé ao STF e reclama de morar em hotel/UOL (09.01)

“O presidente convidou os presentes na reunião dos governadores para a caminhada do Palácio do Planalto para a sede do STF (Supremo Tribunal Federal), em Brasília.”

Câmara aprova intervenção federal na segurança pública do DF/Poder360 (09.01)

“A Câmara dos Deputados aprovou, de forma simbólica, nesta 2ª feira (9.jan.2023) o decreto do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que estabeleceu a intervenção federal na segurança pública do Distrito Federal. Os deputados interromperam o recesso legislativo, que acabaria em 1º de fevereiro, para aprovar o texto.”

AGU vai pedir bloqueio de bens de mais de 100 empresas suspeitas de financiar atos golpistas/G1 (09.01)

“A Advocacia-Geral da União (AGU) identificou mais de 100 empresas suspeitas de terem financiado a manifestação golpista do último domingo (8) em Brasília.”

Terça-Feira, 10 de janeiro de 2023

Alexandre de Moraes determina prisão de Anderson Torres/G1 (10.01)

“O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta terça-feira (10) a prisão do ex-secretário de Segurança Pública do Distrito Federal e ex-ministro da Justiça Anderson Torres.”

Coronel que chefiava PM durante ataques em Brasília é preso/G1 (10.01)

“O ex-comandante-geral da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) coronel Fábio Augusto foi preso na tarde desta terça-feira (10). A prisão ocorreu após determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.”

PF libera cerca de 600 idosos e mulheres presos por atos terroristas/Extra (10.01)

“A Polícia Federal liberou nesta terça-feira cerca de 600 pessoas presas acusadas de participarem dos atos antidemocráticos. Entre elas estão idosos com mais de 65 anos, mulheres que têm filhos pequenos e pessoas com comorbidades graves.”

Senado aprova decreto de intervenção federal do DF/UOL (10.01)

“O decreto editado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) precisava do aval do Congresso Nacional para continuar a valer. Agora, a medida será publicada no Diário Oficial.”

Quarta-Feira, 11 de janeiro de 2023

Em depoimento à polícia, golpistas presos contam que militares do Exército não reagiram à invasão no Congresso Nacional, em Brasília/G1 (11.01)

“A TV Globo teve acesso a 130 depoimentos de pessoas presas em flagrante nos atos terroristas no último domingo (8), em Brasília. À Polícia Civil, a minoria bolsonarista radical contou que militares do Exército não reagiram à invasão no Congresso Nacional.”

CMA descumpriu acordo com gabinete de crise para retirada de manifestantes/A Crítica (11.01)

“Em petição apresentada no âmbito da ação federal que trata do acampamento bolsonarista em frente ao Comando Militar da Amazônia (CMA), em Manaus, a Procuradoria-Geral do Estado (PGE-AM) afirma que o Exército Brasileiro cedeu espaço a manifestantes para guardar, temporariamente, materiais do acampamento durante a operação de desmonte do local, na segunda-feira (9). A PGE-AM registra ainda que o CMA negociou individualmente, dentro do quartel, com os acampados.”

PGR abre inquérito contra três deputados bolsonaristas por incitar atos antidemocráticos/Metrópoles (11.01)

“A Procuradoria-Geral da República (PGR) solicitou, nesta quarta-feira (11/1), que o Supremo Tribunal Federal (STF) abra um inquérito para apurar o envolvimento de três deputados bolsonaristas recém-diplomados nos atos antidemocráticos que destruíram as sedes dos Três Poderes na Esplanada dos Ministérios, em Brasília (DF), no domingo (8/1).”

PL na Câmara que propõe anistia a manifestantes antidemocráticos mobiliza redes petistas/Estadão (11.01)

“Um projeto de lei em tramitação na Câmara dos Deputados que propõe anistia e isenção de multas aplicadas pela Justiça Eleitoral a manifestantes antidemocráticos que não aceitaram o resultado da votação presidencial, que elegeu Luiz Inácio Lula da Silva, moveu uma campanha digital para a reprovação da proposta, que ainda tramita na Comissão de Constituição e Justiça da Casa.”

Datafolha: 93% condenam ataques golpistas, e maioria defende prisões/Folha (11.01)

“A imensa maioria dos brasileiros repudia os ataques golpistas ao coração dos três Poderes em Brasília, realizados por apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) no domingo passado (8). Segundo o Datafolha, 93% são contra a ação, enquanto 3% se dizem favoráveis a ela.”

STF mantém afastamento de Ibaneis Rocha do governo do DF por 90 dias/G1 (11.01)

“Por 9 votos a 2, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter o afastamento de Ibaneis Rocha do governo do Distrito Federal por 90 dias em decorrência do vandalismo promovido por bolsonaristas radicais em Brasília no domingo (8). O julgamento aconteceu nesta quarta-feira (11), em plenário virtual.”

Em posse, Guajajara prega ‘sem anistia’ e Anielle chora ao lembrar irmã/UOL (11.01)

“Anielle Franco (Igualdade Racial) e Sonia Guajajara (Povos Indígenas) foram as últimas ministras a tomar posse no governo Lula (PT), em cerimônia no Palácio do Planalto, com a presença do presidente, nesta quarta-feira (11).”

Lula derruba primeiro sigilo de 100 anos da gestão Bolsonaro/Veja (11.01)

“Chefe da Secom, Paulo Pimenta acaba de anunciar que o governo retirou o sigilo de 100 anos baixado pela gestão de Jair Bolsonaro sobre 565 registros de entrada na residência oficial do presidente, o Palácio da Alvorada. “

Quinta-Feira, 12 de janeiro de 2022

GSI dispensou reforço de guarda no Planalto 20 horas antes da invasão de golpistas/Estadão (12.01)

“Cerca de 20 horas antes da invasão do Palácio do Planalto, o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) dispensou por escrito o pelotão de 36 homens do Batalhão da Guarda Presidencial. Pedido na sexta-feira, 7, o batalhão reforçou no sábado a segurança do prédio. O domingo, porém, amanheceu na Esplanada com a sede do governo federal apenas com o efetivo da guarda normal, quase desprovida de equipamento de controle de distúrbios civis, como escudos, bombas de gás e balas de borracha. A maioria do efetivo dispunha somente de fuzis com munição letal.”

Sorvete, McDonald’s e hotéis: gastos de R$ 27 milhões no cartão corporativo de Bolsonaro perdem sigilo/O Globo (12.01)

“A quantia gasta pelo cartão corporativo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) foi disponibilizada no site da Secretaria-Geral da Presidência da República após a queda do sigilo destes dados, diante do fim de seu mandato. O pedido pela divulgação das informações foi feito pela agência Fiquem Sabendo, que disse ter recebido a resposta nesta quarta-feira.”

Moraes afastou governador do DF sem pedido de órgãos de investigação ou parlamentares/Folha (12.01)

“O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), determinou o afastamento do governador Ibaneis Rocha (MDB) do cargo de ofício, ou seja, sem ter sido provocado por órgãos de investigação ou mesmo por parlamentares.”

Atos golpistas: Justiça autoriza bloqueio de R$ 6,5 mi de financiadores/Metrópoles (12.01)

“A Justiça Federal do Distrito Federal acolheu o pedido da Advocacia-Geral da União (AGU) para bloquear R$ 6,5 milhões em bens de empresas e pessoas que financiaram os atos golpistas na capital federal do último domingo (8/1).”

Sexta-Feira, 13 de janeiro de 2023

Cartão corporativo: Gastos elevados de Bolsonaro coincidem com motociatas/Estadão (13.01)

“BRASÍLIA – Os gastos no cartão corporativo da Presidência da República durante a gestão Jair Bolsonaro (PL) – revelados depois de um período de sigilo com o argumento de preservar a segurança do chefe do Executivo e de parentes – apontam que foram registradas despesas expressivas durante motociatas. Ao menos três exemplos revelam isso. O Estadão pesquisou registros de notas fiscais em datas próximas aos passeios de moto. Geralmente os eventos eram associados a outros compromissos da agenda oficial, mas pairavam dúvidas sobre os custos relacionados a essas atividades.”

Governo tem 28,1 mil cargos, funções comissionadas ou gratificações nos 37 ministérios e no Planalto/CNN (13.01)

“O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem à disposição 28.182 cargos e funções de confiança para serem preenchidos. O custo aos cofres públicos seria de pelo menos R$ 33,7 milhões ao mês.”

Publicada em: Última atualização:

Autor: Heloísa Cristina Ribeiro

Heloísa Cristina Ribeiro é bacharel em Ciências e Humanidades e Graduada em Relações Internacionais pela Universidade Federal do ABC. Foi membro do Grupo de Estudos do Sul Global (GESG/UFABC), do comitê Gestor de Direitos Humanos da UFABC e atuou como Diretora de Assuntos LGBT do Diretório Central dos Estudantes na mesma instituição. Atualmente integra o time de Estudos e Pesquisas da Fundação Podemos.

Esse conteúdo não representa, necessariamente, a opinião da Fundação Podemos.

Newsletter
Quer saber mais sobre nossa atuação e ficar por dentro das novidades da Fundação? Assine nossa newsletter.
Enviar